segunda-feira, 13 de junho de 2011

SÉRIE O QUE ATRAPALHA O CRESCIMENTO DA IGREJA - EST. 3 - FALSA ADORAÇÃO




ESTUDO BÍBLICO - SÉRIE: O QUE ATRAPALHA O CRESCIMENTO DA IGREJA
ESTUDO 3 - A FALSA ADORAÇÃO.
João 4:23,24

O que é adoração
Adoração verdadeira é aquilo que emana de nós e é oferecido a Deus, na forma de: música, serviço, oração. Adoração é aquilo que nós produzimos e entregamos a Deus?

O dicionário Aurélio define adoração como culto a uma divindade; culto, reverência e veneração.

Novo Testamento, significa beijar a mão de alguém, para mostrar reverência; ajoelhar ou prostrar-se para mostrar culto ou submissão, respeito ou súplica

Como em Mat. 4:10 e João 4:24. Adoração então é uma atitude de extremo respeito, inclusive ao divino, que se expressa com ações singulares de reverência e culto.

1º Qual é a Base da Definição da Adoração Verdadeira?

1. Seria o nosso coração: Não importa o que você faz desde que seja feito de coração. Jeremias 17:9 Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?

2. Seria aquilo que pensamos? Isaías 55:8,9 Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos, diz o SENHOR, porque, assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos, mais altos do que os vossos pensamentos.

3. Seria uma proclamação da falsa liberdade? Se Cristo vos libertar verdadeiramente sereis livres. Gálatas 5:13 Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade; porém não useis da liberdade para dar ocasião à carne; sede, antes, servos uns dos outros, pelo amor.

4. Seria a cultura de cada lugar?
5. Seria a proclamação dos meus lábios?
6. A base da adoração verdadeira é a palavra de Deus.

* Mas a bíblia hoje tem sido rejeitada como a base da verdadeira adoração. 2º Tm 4:3,4 Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres segundo as suas próprias cobiças, como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas.

* Mas mesmo assim continua sendo a única base da verdadeira adoração. 2º Pedro 1:19-21 Temos, assim, tanto mais confirmada a palavra profética, e fazeis bem em atendê-la, como a uma candeia que brilha em lugar tenebroso, até que o dia clareie e a estrela da alva nasça em vosso coração, sabendo, primeiramente, isto: que nenhuma profecia da Escritura provém de particular elucidação; porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens santos falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo.

* Esta palavra sonda toda nossa vida e todas as nossas intenções. Hebreus 4:12 Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração. 13 E não há criatura que não seja manifesta na sua presença; pelo contrário, todas as coisas estão descobertas e patentes aos olhos daquele a quem temos de prestar contas.

* Toda a escritura deve ser considerada. Romano 15:4 Pois tudo quanto, outrora, foi escrito para o nosso ensino foi escrito, a fim de que, pela paciência e pela consolação das Escrituras, tenhamos esperança.

2. Adoração sem santidade é falsa adoração.
* Não somente a aparência de piedade. 2º Tm 3:7
* Não somente agradar aos homens, se tornando astros, ou apresentadores comediantes, com o objetivo de satisfação alheia ou própria. 2º Tm 3:4
* Não somente conhecer ou citar a bíblia. 2º Tm 3:7
* Não somente falar coisas agradáveis Is 30:10
* Não somente falar ou criar fábulas 2º Tm 4:3,4
* Mas de fato terem suas vidas transformadas por Deus. 2 Coríntios 5:17
* Procurando assim a verdadeira santidade, requerida dos adoradores. Levítico 20:7
3. Adoração só de lábios é falsa adoração.
* Mateus 15:8 Este povo honra-me com os lábios, mas o seu coração está longe de mim.
* Quando isto acontece temos grandes problemas para com Deus.

a. Desagradamos a Deus por nossa hipocrisia Is 1:11
b. Até nossa presença na casa de Deus o Desagrada 1:12
c. Tudo o que oferecemos para Deus passa a ser vão 1:13
d. Aquilo que seria louvor a Deus passa e lhe ser sofrimento 1:14
e. Para que nossa adoração seja aceita e verdadeira precisamos nos purificar. Is 1:16-18

4. Adoração com ignorância é falsa adoração.
* Paulo não perseguia a igreja por maldade, mas por zelo ao nome de Deus. 1º Tm 1:12 Sou grato para com aquele que me fortaleceu, Cristo Jesus, nosso Senhor, que me considerou fiel, designando-me para o ministério, 13 a mim, que, noutro tempo, era blasfemo, e perseguidor, e insolente. Mas obtive misericórdia, pois o fiz na ignorância, na incredulidade.
* Os Judeus lutavam para cumprir a lei por zelo, mas Deus já havia decretado o fim da mesma. Romanos 10:2,3 Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, porém não com entendimento. Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus e procurando estabelecer a sua própria, não se sujeitaram à que vem de Deus.

5. Adoração com intenção pura é falsa adoração.
* Os atenienses adoravam o Deus desconhecido com intenção pura, mas não eram aceitos. Atos 17:23 porque, passando e observando os objetos de vosso culto, encontrei também um altar no qual está inscrito: AO DEUS DESCONHECIDO. Pois esse que adorais sem conhecer é precisamente aquele que eu vos anuncio.

* Davi teve intenção pura mas não foi autoriza a adorar do jeito que ele quis. 1 Crônicas 28:6 E me disse: Teu filho Salomão é quem edificará a minha casa e os meus átrios, porque o escolhi para filho e eu lhe serei por pai.

* Pedro teve intenção pura mas também não foi aceito. Mateus 16:22 E Pedro, chamando-o à parte, começou a reprová-lo, dizendo: Tem compaixão de ti, Senhor; isso de modo algum te acontecerá. 23 Mas Jesus, voltando-se, disse a Pedro: Arreda, Satanás! Tu és para mim pedra de tropeço, porque não cogitas das coisas de Deus, e sim das dos homens.

Conclusão: O risco de adorar-mos a Deus falsamente no culto e em nossas vidas é muito grande, precisamos sondar nossos corações profundamente e ver os nossos verdadeiros motivos, para que não nos tornemos blasfemos ao invés de adoradores, pense nisto.

2 comentários:

  1. Muito bom e edificante Deus abençoe este ministério .

    ResponderExcluir
  2. Muito bom e edificante Deus abençoe este ministério .

    ResponderExcluir